suor excessivo na cabeça

Suor excessivo na cabeça: 3 dicas para aliviar

Cabelos molhados, suor na testa e gotas d’água que escorrem: aqueles que sofrem com suor excessivo na cabeça ou couro cabeludo estão familiarizados com esses problemas. Muitas vezes, a única coisa que ajuda é pegar um lenço para secar a cabeça úmida.

As pessoas que sofrem, portanto, têm razão em perguntar qual poderia ser a origem de sua forte transpiração na cabeça e quais opções de tratamento estão disponíveis.

Para ajudar você a entender mais sobre o suor excessivo na cabeça, eu preparei o artigo de hoje sobre o assunto. Ficou interessada em saber mais? Então acompanhe comigo agora mesmo!

De onde vem o suor excessivo na cabeça?

As pessoas afetadas geralmente acham particularmente desconfortável suar na cabeça. As gotas de suor são visíveis a todos e o cabelo rapidamente mostra vestígios: não é raro que fique desgrenhado e tenha que ser lavado com mais frequência que o normal.

Para as mulheres, o suor na cabeça traz outro problema, pois a maquiagem e os penteados não resistem bem com transpiração intensa.

O suor excessivo na cabeça pode ser patológico dependendo da quantidade de suor.

Nesse caso, os dermatologistas falam de hiperidrose. O que isso significa? Na hiperidrose, o corpo produz muito mais suor do que realmente precisa para regular a temperatura corporal. O problema pode afetar todo o corpo (hiperidrose generalizada) ou áreas individuais do corpo (hiperidrose focal).

Quais são as possíveis causas do suor na cabeça?

Com a sudorese abundante na cabeça, tanto a hiperidrose primária quanto uma forma secundária da doença podem estar presentes.

A hiperidrose secundária, na qual outra doença (básica) faz a cabeça suar, é menos comum.

Durante o exame, os médicos diagnosticam, por exemplo, uma tireoide hiperativa, diabetes ou uma infecção. Outras razões para a produção de suor excessivo na cabeça podem ser:

  • Menopausa (climatério)
  • Estilo de vida prejudicial (cigarros ou consumo excessivo de álcool)
  • Sobrepeso grave (obesidade)

No entanto, a hiperidrose primária é muito mais comum. Aqui, nenhuma doença é a causa da produção excessiva de suor, mas o próprio suor da cabeça é a doença.

Geralmente afeta partes do corpo com um número comparativamente grande de glândulas sudoríparas, ou seja, axilas, mãos, pés e também a testa ou a cabeça.

Quando a doença ocorre pela primeira vez, pode variar muito. No entanto, a transpiração excessiva na cabeça geralmente começa antes dos 30 anos, às vezes já na puberdade.

A sudorese é desencadeada por uma desregulação do sistema nervoso em que as glândulas sudoríparas são estimuladas a suar excessivamente. No entanto, ainda não foi confirmado porque algumas pessoas sofrem com isso e outras não.

suor em excesso na cabeça

3 dicas para aliviar o suor excessivo na cabeça

A hiperidrose pode ser tratada. O tratamento com botox é frequentemente considerado. As glândulas sudoríparas são fechadas dessa forma. No entanto, é um procedimento muito caro e doloroso.

Também podem ser tomados medicamentos que suprimem a transmissão de estímulos às glândulas sudoríparas. Claro, isso deve primeiro ser discutido com um médico, pois estes medicamentos possuem fortes efeitos colaterais.

Contudo, existem outras 3 dicas simples que podem aliviar os sintomas facilmente e assim, lidar com a doença sem intervenção médica:

Coma a dieta certa

A dieta afeta sua saúde. Certas dietas também podem afetar o fluxo de suor. Dessa forma, evite alimentos particularmente picantes e gordurosos, porque seu corpo gasta muita energia com eles e fica muito sobrecarregado.

Os vegetais podem ajudar. Pepinos, tomates, aipo, alface e aspargos protegem as glândulas sudoríparas. Basicamente, quanto mais leve for a comida, menos árduo será para o corpo digeri-la – e menos ele transpirará.

Adquira um antitranspirante

Ao contrário do que muitas pessoas podem pensar, existe sim antitranspirante para a cabeça ou couro cabeludo.

O Odaban, de origem inglesa, possui mais de 40 anos de mercado e já melhorou muito a qualidade de vida de diversas pessoas.

Ele pode ser aplicado em qualquer parte do corpo e, portanto, também na cabeça. Com seus resultados comprovados cientificamente, essa é uma excelente opção para quem deseja mudar seu dia a dia rapidamente.

Clique aqui e conheça esse produto que possui um excelente custo-benefício!

Penteado e maquiagem

Especialmente no verão, quando fica quente, reduza suas transformações estéticas ao mínimo. Camadas espessas de maquiagem, spray de cabelo e similares obstruem os poros da pele. De fato, se o corpo pode respirar livremente, a produção de suor pode se regular.

Prenda o cabelo, penteados com coque ou o rabo de cavalo clássico são os melhores para isso. Portanto, não há fios de cabelo pendurados em seu rosto e ainda, as glândulas podem trabalhar corretamente.

Gostou de saber mais sobre o suor excessivo? Então não deixe de acompanhar os demais artigos do blog, tenho muitas outras novidades para você!

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Posts Recentes

WhatsApp chat